top of page
  • Dr. José Luis Pantaleão

Câncer de colorretal: sintomas e tratamentos

O câncer colorretal é um tumor maligno que atinge o cólon e o reto, conhecido como intestino grosso, tendo a particularidade de exibir lesões precursoras, os pólipos.


O tempo em que geralmente há crescimento e desenvolvimento do tumor a partir de um pólipo é longo, o que permite sua identificação, retirada e a prevenção do câncer. Apesar disso, a mortalidade associada à neoplasia colorretal ainda é elevada, especialmente por conta do diagnóstico tardio.


Indivíduos com um ou mais parentes de primeiro grau que tiveram câncer colorretal geralmente têm o dobro da chance de desenvolver uma lesão maligna.


A cirurgia é o tratamento mais comum para esse tipo de doença. O tipo de intervenção depende da localização e do tamanho do tumor, mas, em geral, o procedimento se resume à remoção de parte do intestino afetada e dos gânglios próximos a essa região, retirados para impedir a reincidência. Pode ser necessário complementar o tratamento cirúrgico com radioterapia e/ou quimioterapia, métodos terapêuticos que inibem o reaparecimento e disseminação do tumor. No caso de haver somente pólipos, é necessário apenas removê-los por meio da própria colonoscopia e fazer o acompanhamento.


Para prevenir o câncer colorretal, é importante incluir no dia a dia exercícios físicos regulares e manter uma dieta saudável, pobre em gorduras de origem animal e rica em fibras, que têm um papel fundamental na manutenção da saúde do intestino, pois aumentam o bolo fecal, aceleram a velocidade do trânsito intestinal e diminuem o contato das substâncias cancerígenas com a parede do cólon.


Cuide da sua saúde e tenha seus exames sempre em dia!


bottom of page